Verona. E como é bom ir para a Itália!

By abril 12, 2015 0

Três peças de Shakespeare são ambientadas em Verona: Romeu e Julieta, Os Dois Cavalheiros de Verona, e A Megera Domada.

Há algumas referências reais da história de Romeu e Julieta em Verona. Por exemplo esta casa do século 13 é a casa “verdadeira” da família de Julieta, os Capuletos.

 

CIMG0064

 

Embora para muitos esse romance não passe apenas de uma peça de teatro, há quem diga que ela tem um fundo de verdade e teria acontecido nos primeiros anos do século 14.

Diz a lenda que se você colocar sua mão no peito da estátua da Julieta, com certeza arrumará um marido, no mínimo um namorado. Lenda ou não, cinco meses depois conheci o Carlos meu marido.  😆

 

VERONA

 

Na Piazza Brà, está a atração mais imponente de Verona: a Arena. Um anfiteatro romano do ano 30 a.C. que é terceiro maior da Itália e está mais bem conservado do que o Coliseu de Roma. Hoje é usado para apresentações artísticas.

VERONA

Ala_Arena_Verona

 

Piazza delle Erbe é uma das praças mais pitorescas de Verona. Nela fica um mercado popular e colorido, com frutas e legumes frescos.

VERONA

 

Torre Lamberti, com 83 metros, é a torre mais alta em Verona. Sua construção começou em 1172, e levou vários séculos para terminar.

VERONA

 

A Catedral de Verona começou a ser construída em 1187 e sua fachada é uma combinação de estilos românico e gótico.

VERONA

 

A Ponte Scaligero foi construída por razões defensivas, mas também é um trabalho muito bonito, e uma  obra-prima da engenharia antiga. Seu arco maior tem 48 metros.

VERONA

VERONA

 

San Zeno Maggiore é um dos melhores exemplos da arquitetura românica do mundo.

 

A cidade recebeu o estatuto de Patrimônio Mundial pela UNESCO, devido à sua estrutura urbana e arquitetura.

VERONA VERONA

VERONA VERONA CIMG0086

 

Veja também: De Verona a Bergamo. E como é bom ir para a Itália! continuação

No Comments Yet.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Translate »